Categoria: Boehmismo

Vivemos no Cristo

“O Cristo disse: O Filho do Homem não faz nada além do que vê o Pai fazendo. Se o Filho do Homem se tornou o nosso corpo e Seu espírito o nosso próprio espírito, seria possível não conhecermos a Deus? Se vivemos no Cristo, o Espírito de Cristo verá através de nós e em nós …

Continue lendo

A Vontade humana e a Misericórdia divina

“A vontade deve buscar ou desejar nada mais do que a misericórdia de Deus no Cristo; deve entrar continuamente no amor de Deus e não permitir que nada a afaste deste objetivo. Se a razão externa triunfa e diz ‘eu tenho o verdadeiro conhecimento’, então, a vontade deve fazer a razão carnal curvar-se à terra …

Continue lendo

Que a sua vontade seja como a Vontade dEle

“Segue meu conselho: deixa de buscar o conhecimento de Deus através da tua vontade egoísta e de teu raciocínio; joga fora tua razão imaginária, aquela que teu eu mortal pensa que possui, então tua vontade será a vontade de Deus. Se Ele encontrar a Sua vontade como sendo a tua vontade na Dele, então a …

Continue lendo

Resignação Suprema

O único e verdadeiro caminho através do qual Deus pode ser percebido em Sua Palavra, Essência e Vontade é quando o homem alcança um estado de unidade consigo mesmo, e quando – não só em sua imaginação, mas em sua vontade – possa deixar tudo o que é eu pessoal ou o que pertença ao …

Continue lendo

Como posso ver e ouvir a Deus?

O Discípulo pergunta ao Mestre: “Como posso alcançar a vida suprasensível, a fim de poder ver e ouvir a Deus?” Seu Mestre responde: “Quando puderes lançar-te, por um instante, naquele lugar onde nenhuma criatura habita, então ouvirás o que Deus fala”. Discípulo: “Isto está perto ou longe”? Mestre: “Está em ti, e se puderes, por …

Continue lendo

Sobre o muito falar

“A vida espiritual não é mais que a operação do Espírito de Deus dentro de nós e, portanto, nosso próprio silêncio há de ser uma grande parte de nossa preparação para ela, e o muito falar ou deleitar-nos nele será muitas vezes não pequeno estorvo para o bem que só podemos ter ouvindo o que …

Continue lendo

Mysterium Magnum

Pelo ‘Mysterium Magnum’ surge a natureza eterna. Duas substâncias e vontades são sempre compreendidas como parte do ‘Mysterium Magnum’: a primeira substância é a unidade de Deus, ou seja, a Virtude e o Poder Divino, a Sabedoria fluida; a segunda substância é a vontade separável que surge através do Verbo vivo e claro; ela não …

Continue lendo

Deus e a Profundidade

“Na eternidade, como em uma profundidade imensa fora da Natureza, não há nada mais que uma quietude sem essência; é uma tranquilidade eterna, um fundamento sem princípio nem fim. Não há termo nem ponto fixo, nem buscar nem encontrar, nem nada que possa ser uma Possibilidade. Deus é a unidade frente às criaturas, como um …

Continue lendo

Yehova, segundo Boehme

“Sobre o Santo Nome YEHOVA: Y é a emanação da eterna e indivisível Unidade, ou a doce graça e o conhecimento pleno do Poder Divino de se tornar algo. E é um triplo Y onde a Trindade se cala na Unidade. Y entra em E e se unem – YE – união que representa uma …

Continue lendo

A Unidade como Fundamento da Trindade

“Assim como o Fogo, a Luz e o Éter surgem da vela (embora a vela não seja nenhum dos três, mas a causa deles), a Unidade Eterna é a causa e o fundamento da Trindade Eterna, que se manifesta a partir da Unidade e se gera a si mesmo, primeiro em Desejo ou Vontade, segundo …

Continue lendo